segunda-feira, julho 23, 2012

- Ouve lá, sabes quem foi Manuel de Arriaga?...

Ao meio da tarde de hoje fui, como é meu hábito fazer quando estou fora de Lisboa, comprar postais ilustrados.
Atravessei a rua, do outro lado, a Tabacaria da Sorte - boa! - tem novas edições. São postais do Faial da mesma coleção dos da Terceira, que conheci há dias, no trânsito de Lisboa para a Horta.
Vi, mas não comprei... Desconfiei do preço, caros para o que costumo encontrar aqui nas ilhas. Saí, fui à loja do Telegrapho. Afinal, a coleção é muito maior... E aqui cada postal custa menos 10 cêntimos! Quer dizer, cada um custa 30 cêntimos. Comprei 20, ou seja, poupei 2 euros. Nada mau!...
Enquanto escolhia os postais, uma senhora falava com uma das funcionárias do outro lado do balcão. Falavam sobre a recuperação da casa de Manuel de Arriaga, agora transformada em museu - e que de que eu fui um dos primeiros visitantes da última vez que cá estive!
Dizia a senhora:
- Num destes dias passei com a minha filha pela casa do Manuel de Arriaga, e disse-lhe que agora a casa está muito bonita.
A filha da senhora é ainda pequenita, anda há pouco tempo na escola, mas como é homem ilustre da terra, a mãe perguntou à filha:
- Ouve lá, sabes quem foi o Manuel de Arriaga?...
A filha respondeu à mãe que sim, que a professora já tinha falado lá na escola, em História.
A mãe da menina disse à senhora que a ouvia do outro lado do balcão que comentou para a filha que tinham feito um bom trabalho lá na casa e repetiu que a casa estava outra vez muito bonita.
A filha, segundo a mãe, terá ficado um pouco pensativa e depois voltou-se para a mãe e deixou-a sem fala, só depois a mãe se riu:
- Ó mãe, mas se o senhor já não vai viver na casa para que é que andaram a recuperá-la?

Sem comentários: